XII ENCONTRO PARAIBANO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA

XII ENCONTRO PARAIBANO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA

presencial Universidade Federal da Paraíba - João Pessoa - Paraíba - Brasil

O evento já encerrou

Separamos alguns eventos que você irá gostar

1º Congresso Multidisciplinar de Saúde e Bem-Estar

Quarta-Feira, 28 de Agosto

São Luís, MA

XV Encontro Gaúcho de Educação Matemática

Terça-Feira, 17 de Setembro

Bagé, RS

Congresso Nursing

Quarta-Feira, 28 de Agosto

Fortaleza, CE

II Encontro Cearense de Educação Matemática

Quarta-Feira, 11 de Setembro

Iguatu, CE

{{'Receba_os_melhores_eventos_da_sua_area' | translate}}

{{'Receber_eventos' | translate}}

Sobre o evento

O XII ENCONTRO PARAIBANO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA está chegando mais uma vez em na capital paraibana. O mesmo será realizado nos dias 27 e 28 de novembro de 2023 na Universidade Federal da Paraíba, Campus I. A edição deste ano abordará a temática "Desenvolvimento profissional e prática educativa do professor que ensina matemática: Olhares, tensões e evidências". Venha  participar de mais uma edição do EPBEM.


O evento contará com os seguintes Eixos Temáticos:


ET-01: Avaliação em Educação Matemática – Nesse ET serão levados em consideração as investigações, estudos e experiências a respeito de diferentes procedimentos e instrumentos de avaliação que ocorrem em instituições escolares, em especial, os que envolvem a avaliação da aprendizagem em matemática nos diferentes níveis e modalidades de ensino. Também serão foco de interesse, discussões sobre a avaliação em larga escala (Prova Brasil, SAEB, ENEM, PISA, etc).


ET-02: Currículos em Educação Matemática – O presente eixo temático pretende congregar discussões teóricas e práticas que envolvam o tema do currículo, inserido no campo da Educação Matemática. Abrangem o currículo em diferentes perspectivas teóricas que embasam as pesquisas sobre o tema, as análises sobre currículos em seus diferentes momentos de realização. Apresentem reflexões sobre a natureza, implementação, finalidades, avaliação ou proposição de currículos em Educação Matemática, bem como dos agentes, documentos oficiais e fatores que influenciam na materialização desses processos.


ET-03: Recursos Didáticos e Educação Matemática – Este eixo temático visa promover a discussão e a disseminação de estudos, pesquisas e experiências relacionados ao uso de diferentes recursos didáticos na organização e no desenvolvimento do trabalho pedagógico em Matemática. Visando explorar os diversos recursos, tais como os jogos, recursos lúdicos, os materiais impressos (por exemplo, o livro didático), os materiais manipuláveis, as tecnologias, os laboratórios e os demais recursos utilizados no processo de ensino e de aprendizagem da matemática.


ET-04: Diferença e Inclusão em Educação Matemática – Neste Eixo Temático serão exploradas questões relacionadas à Diferença, Inclusão e Direitos Humanos, entre as quais destacamos: (A) Estudos associados aos processos de ensino e de aprendizagem matemática daqueles historicamente marginalizados no contexto escolar; (B) Reflexões sobre as demandas associadas às práticas docentes em cenários inclusivos; (C) Implicações para o currículo e para a avaliação; (D) O desenvolvimento de quadros teóricos voltados à construção e desconstrução de conceitos como, deficiência, diferença, igualdade e justiça social; (E) Discussões sobre políticas públicas no contexto da inclusão e da Educação Matemática; (F) Discussões na temática de Direitos Humanos e Justiça Social; (G) Formação de professores que ensinam matemática na perspectiva inclusiva; (H) Educação Matemática na abordagem do Desenho Universal para Aprendizagem.


ET-05: Exploração, Proposição, Resolução de Problemas e Investigações Matemáticas – Esse eixo temático congrega trabalhos de estudos investigativos e de experiências didáticas que abordam o uso da Exploração, Proposição, Resolução de Problemas e Investigação no processo de ensino e aprendizagem da Matemática. Tais situações podem envolver as diferentes perspectivas mencionadas, inseridas no âmbito da Aritmética, Álgebra, Geometria, Trigonometria e do campo da Estatística e Probabilidade.


ET-06: Epistemologia, História e Etnomatemática no ensino de Matemática – O presente eixo temático visa refletir sobre pesquisas e estudos já realizados ou em andamento, que abordam elementos da epistemologia e História da Matemática, bem como pesquisas no campo da Etnomatemática. O principal objetivo é conferir significado aos processos de ensino da Matemática por meio da interação entre teoria e prática, embasados em fundamentos teóricos desses campos. Além disso, podem ser contempladas as interseções entre epistemologia, história e etnomatemática, e como esses elementos podem enriquecer a experiência de aprendizado dos estudantes no contexto do ensino de matemática.


ET-07: Formação de Professores que ensinam Matemática – Este eixo temático visa acolher e discutir pesquisas e relatos de experiências acerca da formação inicial e continuada de professores que ensinam Matemática. As temáticas relacionadas a este eixo contemplam, dentre outros aspectos, o currículo da Licenciatura (Matemática e Pedagogia), prática de ensino e prática como componente curricular, estágio supervisionado, formação específica e formação didático-pedagógica, práticas formativas e práticas profissionais. Além disso, também pertencem ao eixo temático trabalhos relacionados à produção de materiais didáticos para a formação inicial e continuada de professores que ensinam Matemática (Licenciatura em Matemática e Pedagogia), bem como experiências de formação vinculadas aos programas de ensino, pesquisa e extensão.


ET-08: Modelagem Matemática e suas aplicações – Esse eixo temático visa discutir aspectos teóricos e práticos envolvendo a Modelagem Matemática no campo da Educação Matemática, a partir de experiências desenvolvidas nos diferentes níveis de escolaridade e de pesquisas realizadas nessa temática.


ET-09: Tecnologias Digitais em Educação Matemática – Refletir temas emergentes da Educação Matemática relacionados ao uso tecnologias digitais no desenvolvimento profissional e na prática educativa da professora e do professor que ensina matemática, na formação de professores de Matemática, na produção de material didático, no uso de software e/ou aplicativos e/ou plataformas digitais, no currículo de Matemática e em questões relacionadas à avaliação.


ET-10: Perspectivas Críticas em Educação Matemática - Este eixo temático pretende congregar discussões teóricas e práticas que abordem as perspectivas críticas na Educação Matemática. Neste sentido o eixo apela para trabalhos que explorem os seguintes tópicos: (A) O papel das políticas nacionais na prática e investigação em educação matemática. (B) Respostas da educação, dos educadores matemáticos e dos estudantes à pobreza, migração, racismo, segregação, gênero etc. (C) Aspectos teóricos e metodologias que permitam aos pesquisadores e professores pensarem sobre o poder e a política na educação matemática. (D) Educação matemática e processos de inclusão e exclusão de diferentes tipos de alunos. (E) Percepção de que os aspectos críticos abordados nos trabalhos estejam integralmente ligados a um movimento em direção a uma educação matemática mais justa e humanizadora para o aluno.


Comissão Organizadora


SBEM - PB

Silvanio de Andrade (Diretor)

Rogéria Gaudencio do Rêgo (Vice-Diretora)

Adriano Alves da Silveira (1° Secretário)

Maria Alves de Azeredo (2ª Secretária)

Jair Dias de Abreu (3° Secretário)

Maurício Alves Nascimento (1º Tesoureiro)

Leonardo Lira de Brito (2° Tesoureiro)


Comissão Editorial

Fabíola da Cruz Martins

Vanessa Lays Oliveira dos Santos

André Ferreira de Lima

Rodiney Marcelo Braga dos Santos


Conselho Fiscal

Maria Betânia Sabino Fernandes

Carlos Alex Alves

Nahum Isaque dos Santos Cavalcante

Tiêgo dos Santos Freitas


Comissão local – XII EPBEM – UFPB 


Agnes Liliane Lima Soares da Santana 

Claudilene Gomes da Costa

Cristiane Borges Angelo

Cristiane Fernandes de Souza

Graciana Ferreira Dias

Jussara Patrícia Andrade Alves Paiva

Marcella Luanna da Silva Lima

Maria Alves de Azerêdo

Rogéria Gaudencio do Rêgo

Severina Andréa Dantas de Farias

Inscrições

{{'Label_CodigoPromocionalAplicadoComSucesso' | translate}}
{{'Label_Presencial' | translate}} {{'Label_Online' | translate}} {{'Label_PresencialEOnline' | translate}}

{{item.titulo}}

{{'Label_DoacaoAPartir' | translate}} {{item.valores[0].valor | currency:viewModel.evento.moeda}}

{{item.descricao}}
{{'Titulo_Gratis' |translate}} {{viewModel.configuracaoInscricaoEvento.descricaoEntradaGratis}}
{{entrada.valor | currency:viewModel.evento.moeda}} {{entrada.valor | currency:viewModel.evento.moeda}}  

{{entrada.valorComDesconto | currency:viewModel.evento.moeda}}

{{'Titulo_Ate' | translate}} {{entrada.validoAte |date: viewModel.evento.cultura.formatoData}}
{{'Titulo_Ate' | translate}} {{entrada.validoAte |date: viewModel.evento.cultura.formatoData}}
{{'Label_APartirDe' | translate}} {{entrada.validoDe | date:viewModel.evento.cultura.formatoData}}
Calendar

{{'Titulo_NaoDisponivel' | translate}}

Programação Preliminar

XII EPBEM

1° Dia - segunda-feira

27/11/2023

2° Dia - Terça-feira

28/11/2023

MANHÃ

7h às 10h

07h - Credenciamento

08:30h - Apresentação Cultural

09:00h - Cerimônia de abertura – Diretoria da SBEM – PB e Comissão local

Local: Auditório do Centro de Ciências Jurídicas – CCJ - UFPB

8h às 10h - Sessão de Comunicações Orais – Salas de aula do CE

 

10h às 12h

Mesa de abertura: Desenvolvimento profissional e prática educativa da professora e do professor que ensina Matemática: olhares, tensões e evidências

- Mediação – Prof. Dr. Silvânio Andrade

 

Local: Auditório do Centro de ciências Jurídicas – CCJ - UFPB

 

10h - Mesas Redondas:

Mesa 04 - Formar para incluir: perspectivas para inclusão em Educação Matemática

Local: Sala 301 CE

 

 Mesa 05 - Práticas construídas, compartilhadas e insubordinadas: diálogos com a História da Matemática, a Etnomatemática e a Educação Matemática Crítica

Local: Sala 303 do CE


Mesa 06 - Problematizando a formação do(a) professor(a) que ensina Matemática: olhares e reflexões de formadores(as)

Local: Auditório 212 do CE

 

 

12h às 13:30

Almoço

 

13:30 às 15:30

Mesas Redondas:

Mesa 01 - Elucidando os Papéis do Currículo e da Avaliação no Processo de Ensino e Aprendizagem da Matemática

Local: Sala 301

 

 Mesa 02 - Exploração-Proposição-Resolução de Problemas e Modelagem Matemática: da formação do professor que ensina Matemática à sala de aula

Local: Auditório 212 do CE

13h30min – Assembleia da SBEM-PB

 

15h as 18h – Minicursos

10 minicursos – Salas de Aulas do CE

 

 

15:30 às 17:30

Sessão de Comunicações Orais – salas de aula do CE

 

NOITE

17:30 às 19h

Lançamento de livros – Praça Marielle Franco

 

Coffee break - Praça Marielle Franco

 

19h às 21:30 – Mesa de Encerramento:

 

Diálogos com os grupos de pesquisa em Educação Matemática da Paraíba.

Local: Auditório 212 - CE

19h

às 22h

Mesa 03 – Diálogos e Reflexões sobre Recursos Didáticos, Laboratório de Ensino de Matemática e Tecnologias Digitais na perspectiva da Formação do(a) Professor(a) de Matemática

 

Atividades

{{item.titulo}}
{{item.horaInicio}}-{{item.horaFim}}
Calendar

Convidados

{{item.nome}}

{{item.nome}}



Submissões

{{areaSiteEvento.jsonObj.configuracaoSubmissao.dataInicioSubmissao}} - {{areaSiteEvento.jsonObj.configuracaoSubmissao.dataLimiteSubmissao}}

{{item.denominacao}}
{{item.denominacao}}
{{item.denominacao}}

{{areaSiteEvento.titulo}}

Lançamento de Livros

Durante o nosso evento, contaremos com o lançamento das seguintes obras:


TÍTULO: A MULTIPLICAÇÃO NOS ANOS INICIAIS: CONCEPÇÕES, REPRESENTAÇÕES SEMIÓTICAS E MEDIAÇÃO PEDAGÓGICA.

AUTORA: MARIA ALVES DE AZEREDO


SINOPSE: O livro traz reflexões sobre a prática pedagógica de professoras dos anos iniciais no ensino de Matemática, especificamente da operação de multiplicação. Fundamentado teoricamente em Vigotski, Duval e estudiosos da Educação Matemática, apresenta a argumentação de que as representações semióticas se constituem em instrumentos de mediação pedagógica na direção da apropriação do conhecimento matemático. Para os anos iniciais, essa discussão ainda precisa adentrar à formação de professores, promovendo reflexão e compreensão sobre as produções e registros das crianças ao representarem conceitos matemáticos e sobre as representações semióticas utilizados pela professora no processo de ensino. A partir de um grupo de discussão com professoras de anos iniciais, consolidou-se uma investigação sobre concepções e práticas pedagógicas no ensino de multiplicação, no qual foram discutidos temas como tabuada, calculadora, significados das operações, representações semióticas, dentre outros. Nesse processo, foram aplicadas atividades na sala de aula de cada professora, constituindo-se um diagnóstico detalhado sobre o conhecimento dos alunos acerca da operação, o qual foi discutido e problematizado no grupo. O texto conclui, indicando que além da valorização das representações semióticas dos alunos, é necessário promover sua exploração pedagógica na socialização das estratégias, bem como, em atividades de análise de estratégias diferentes, favorecendo a discussão sobre a validade, vantagem/desvantagem de diferentes procedimentos de resolução.


TÍTULO: SOROBAN: FERRAMENTA DIDÁTICA NO ENSINO DE MATEMÁTICA PARA ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL.

AUTORA: VANESSA LAYS OLIVEIRA DOS SANTOS


SINOPSE: A presente proposta é para publicação e divulgação de uma cartilha digital/física, fruto do meu Produto Educacional do Mestrado e intitulada, "Soroban: ferramenta didática no ensino de matemática para alunos com deficiência visual". Sua temática envolve didática da matemática e educação matemática inclusiva. O objetivo da cartilha é auxiliar a prática de professores que lecionam para alunos com deficiência visual na sala de aula comum, durante a realização de cálculos de números naturais e decimais.


Local do Evento

Apoio

{{viewModel.evento.titulo}}

{{viewModel.evento.responsavelEvento}}