IMPLANTAÇÃO DAS UNIDADES PRODUTIVAS OVINOCULTURA, SUPORTE FORRAGEIRO E CASA DE SEMENTES COMUNITÁRIA

Publicado em 30/06/2023 - ISBN: 978-85-5722-835-1

Título do Trabalho
IMPLANTAÇÃO DAS UNIDADES PRODUTIVAS OVINOCULTURA, SUPORTE FORRAGEIRO E CASA DE SEMENTES COMUNITÁRIA
Autores
  • Hércules Batista Sampaio
Modalidade
Resumo
Área temática
Sistemas de produção vegetal e animal em transição agroecológica
Data de Publicação
30/06/2023
País da Publicação
Brasil
Idioma da Publicação
Português
Página do Trabalho
https://www.even3.com.br/anais/v-simposio-de-saberes-agroecologicos-do-norte-do-piaui-312465/613967-implantacao-das-unidades-produtivas-ovinocultura-suporte-forrageiro-e-casa-de-sementes-comunitaria
ISBN
978-85-5722-835-1
Palavras-Chave
Projeto; família; comunidade; agroecológicos; protagonismo.
Resumo
1 Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI campus Cocal) 2 Escola Família Agrícola Dom Fragoso (EFADF) Este Projeto de Vida da Família Camponesa – PVFC, foi executado com intuito de estimular a economia familiar e comunitária, promovendo um manejo com os princípios agroecológicos. As unidades produtivas Suporte forrageiro, Ovinocultura e Casa de Sementes comunitária, foram escolhidas pela família devido a necessidade de diminuir gastos com a compra de grãos, carne, e dificuldade ao obter sementes. Objetivou-se, ampliar as atividades produtivas, fortalecendo a convivência com Semiárido e o protagonismo juvenil. As unidades estão localizadas no Assentamento Aniceto, a 48 Km da cidade de Independência – CE. A unidade suporte forrageiro foi implantada em uma área de 838,5 m2, produzindo grãos, sementes, farelo e feno, provenientes de plantas (palma, mandacaru, leucena, capim buffel, gliricídia, pau-ferro, feijão guandu, feijão de rola, mata-pasto, moringa, jerimum, sabiá e fava brava) cultivadas, utilizando-se práticas como o consórcio, roço, cobertura morta, plantio em curva de nível, controle com defensivos naturais, adubação orgânica, e podas. Iniciamos a atividade ovinocultura com 16 animais sem padrão racial definido, e um animal mestiço (com características da raça somalis). Foi construída uma nova estrutura (aprisco), em uma área total de 45 m2, sendo 25 m2 cobertos, contendo pedilúvio, manjedoura para alimentação e mineralização. Os ovinos pastejavam em áreas de pastos nativos (comunitárias), sendo fornecida alimentação complementar aos animais com maior frequência em períodos de estiagem. A partir do 30o dia de nascidos os ovinos foram vermifugados, vista a necessidade em verificações quinzenais. Antibióticos foram ministrados sempre que era detectado algum foco de infecção. Descartou-se os animais que apresentaram linfadenite caseosa. A limpeza do aprisco era realizada a cada 2 dias. Auxiliou-se os cordeiros recém-nascidos a fazerem a primeira mamada, cortou-se o cordão umbilical, após, aplicou-se uma medicação caseira, composta por álcool, água e entrecasca da aroeira. As matrizes receberam alimentação complementar durante 15 dias, trocou-se o reprodutor após 2 anos no rebanho, descartou-se matrizes com mais de 7 parições, e castrou-se cordeiros. O local de deposito das sementes é um cômodo da casa do senhor Evaldo e senhora Eliane. Os trabalhos de manutenção foram realizados por pessoas do próprio Assentamento, como a coleta de sementes de plantas nativas, limpeza, e participação em encontros de intercâmbio fazendo a troca de sementes, preservando espécies crioulas e nativas. Para que se tenha um controle da qualidade produtiva e germinativa das sementes, fez-se a seleção de sementes e teste de germinação. Os conhecimentos sobre as práticas, adquiridas ao longo da execução do projeto foram difundidos melhorando a produtividade e aumentando a renda familiar. De forma que a família teve um saldo aproximado de R$ 3.586,60 ao ano. A casa de sementes possibilitou o acesso a sementes de qualidade às famílias do Assentamento, incentivando jovens a engajarem-se. Conclui-se que os objetivos foram alcançados, como consequência dos esforços empregados em conjunto com a família e comunidade.
Título do Evento
V Simpósio de Saberes Agroecológicos do Norte do Piauí
Cidade do Evento
Cocal
Título dos Anais do Evento
Simpósio de Saberes Agroecológicos do Norte do Piauí
Nome da Editora
Even3
Meio de Divulgação
Meio Digital
DOI
LinkObter o DOI

Como citar

SAMPAIO, Hércules Batista. IMPLANTAÇÃO DAS UNIDADES PRODUTIVAS OVINOCULTURA, SUPORTE FORRAGEIRO E CASA DE SEMENTES COMUNITÁRIA.. In: Simpósio de Saberes Agroecológicos do Norte do Piauí. Anais...Cocal(PI) IFPI campus Cocal, 2023. Disponível em: https//www.even3.com.br/anais/v-simposio-de-saberes-agroecologicos-do-norte-do-piaui-312465/613967-IMPLANTACAO-DAS-UNIDADES-PRODUTIVAS-OVINOCULTURA-SUPORTE-FORRAGEIRO-E-CASA-DE-SEMENTES-COMUNITARIA. Acesso em: 14/06/2024

Trabalho

Even3 Publicacoes