POLÍTICA CURRICULAR E O LUGAR DOS BEBÊS

Publicado em 28/12/2021 - ISSN: 2594-5149

Título do Trabalho
POLÍTICA CURRICULAR E O LUGAR DOS BEBÊS
Autores
  • Rayssa Prudêncio Da Silva
Modalidade
Resumo
Área temática
2. Infância-fronteiras: Este eixo abrange as políticas públicas para a infância, a promoção de direitos, a produção cultural voltada para crianças, as relações entre infância, mídia e tecnologias. Pretende-se delinear um diálogo entre o que as crianças pensam, consideram e como apreendem um mundo tão marcado pela diversidade humana, problematizando-o em correlação às atuações políticas e institucionais.
Data de Publicação
28/12/2021
País da Publicação
Brasil
Idioma da Publicação
Português
Página do Trabalho
https://www.even3.com.br/anais/iiicei/415617-politica-curricular-e-o-lugar-dos-bebes
ISSN
2594-5149
Palavras-Chave
bebês, educação infantil, política curricular.
Resumo
Este trabalho tem o objetivo de refletir sobre as possibilidades e limites da Proposta Curricular para a Educação Infantil, do Município de Duque de Caxias, com destaque para a discussão da sua contribuição com a garantia de práticas pedagógicas comprometidas com as especificidades dos bebês. Parte-se do pressuposto de que os textos são produtos de um contexto político e social, mas também podem ser produtores de realidades, permitindo observar movimentos históricos de luta pela Educação Infantil, com tensões e avanços, que marcam essa primeira etapa como um espaço de resistência pelos direitos das crianças pequenas. Metodologicamente, foram feitas diferentes leituras com um olhar para o conteúdo e para a forma, não tomando o texto como passivo, mas como um objeto de interpretação e pesquisa, analisado teoricamente. Historicamente os bebês são descritos como frágeis e incapazes tomados como seres a- históricos, passivos, porém observamos que estudos mais recentes destacam as potências dos bebês em suas interações com seus pares e atuação no mundo. Ainda é importante destacar que diferentes pesquisadoras/es têm sinalizado a invisibilidade dos bebês no âmbito das políticas e das práticas, apontando que o trabalho na creche, em muitos contextos, não dialoga com suas necessidades e suas formas singulares de viver, conhecer e se expressar, cabendo questionar até que ponto o documento analisado contribui para uma mudança significativa nas relações que estão postas para e com os bebês. . Dessa forma, a partir da leitura do documento mencionado, observa-se que as discussões são coerentes com as orientações legais brasileiras, embora ao longo do texto não haja menção específica sobre os bebês. Mesmo assim, entende-se que os bebês são contemplados com as reflexões sobre a creche, espaço educativo comprometido com experiências significativas para as crianças de 0 a 3 anos de idade. Sobre a ausência do termo no documento, este trabalho compartilha da opinião de autoras/es que defendem que a inserção da categoria bebê é uma estratégia de indução do reconhecimento social dos bebês e dos seus direitos. Diante do exposto, pergunta-se: em que medida a ausência do termo bebês significa um apagamento desses sujeitos nas relações produzidas na creche? Uma proposta curricular compreende uma aposta para a educação das crianças na Educação Infantil, sendo essencial que princípios para o trabalho com os bebês sejam explicitados para a produção de um olhar sensível e de uma prática diferenciada. A política voltada para as creches e pré-escolas tem como compromisso a reflexão sobre quem são os bebês, quais lugares ocupam e o que suas manifestações indicam, a fim de repensar a própria política, bem como a docência e as práticas institucionais.
Título do Evento
III Congresso de Estudos da Infância: Movimentos, Limiares e Fronteiras
Título dos Anais do Evento
Anais do congresso de estudos da infância
Nome da Editora
Even3
Meio de Divulgação
Meio Digital
DOI
LinkObter o DOI

Como citar

SILVA, Rayssa Prudêncio Da. POLÍTICA CURRICULAR E O LUGAR DOS BEBÊS.. In: Anais do congresso de estudos da infância. Anais...Rio de Janeiro(RJ) UERJ, 2021. Disponível em: https//www.even3.com.br/anais/IIICEI/415617-POLITICA-CURRICULAR-E-O-LUGAR-DOS-BEBES. Acesso em: 12/07/2024

Trabalho

Even3 Publicacoes