CARPINTARIA NAVAL ARTESANAL EM BREVES-MARAJÓ-BRASIL: SOBRE SABERES E PRÁTICAS ENVOLVIDAS NA CONSTRUÇÃO DE UMA RABETA.

Publicado em 03/05/2023 - ISBN: 978-85-5722-738-5

Título do Trabalho
CARPINTARIA NAVAL ARTESANAL EM BREVES-MARAJÓ-BRASIL: SOBRE SABERES E PRÁTICAS ENVOLVIDAS NA CONSTRUÇÃO DE UMA RABETA.
Autores
  • Márcio de Souza Menezes
  • Marcelo do Vale Oliveira
  • Nádia Sueli Araújo da Rocha
Modalidade
Comunicações Orais - Resumo Simples
Área temática
GT 5 - Saberes, ambiente, relações e práticas produtivas na Amazônia
Data de Publicação
03/05/2023
País da Publicação
Brasil
Idioma da Publicação
Português
Página do Trabalho
https://www.even3.com.br/anais/iii-silssa/612074-carpintaria-naval-artesanal-em-breves-marajo-brasil--sobre-saberes-e-praticas-envolvidas-na-construcao-de-uma-rab
ISBN
978-85-5722-738-5
Palavras-Chave
Breves-Marajó, Carpintaria Naval Artesanal, Rabeta, Saberes da tradição.
Resumo
Os indígenas foram os primeiros construtores navais artesanais da Amazônia, tendo a canoa como principal meio de transporte. Esta tradição tem raízes profundas na história destes povos e se mantém vigente até os dias atuais. As canoas e os barcos de madeira são indispensáveis para os moradores da região amazônica, pois são usados para realizar diversas tarefas do cotidiano, como trabalhar e ir à escola. Assim, é imprescindível falarmos sobre a carpintaria naval artesanal por ser uma atividade realizada pelos povos amazônicos, como os marajoaras. Portanto, esta pesquisa objetiva compreender como os carpinteiros navais artesanais desenvolvem sua atividade laboral em Breves-Marajó, e quais são os saberes da tradição envolvidos na construção de uma rabeta. A pesquisa se concentra em 03 (três) estaleiros. Metodologicamente, as etapas estão divididas em: a) Entrevistas semiestruturadas com 05 carpinteiros navais artesanais, com o objetivo de descobrir seus saberes tradicionais; b) Observação das dinâmicas de estaleiro; e, c) Pesquisas bibliográficas sobre a temática. Alguns resultados até o momento: 1 - Esta atividade é desenvolvida por profissionais especializados, como mestres carpinteiros, calafates e pintores, que possuem conhecimentos aprofundados sobre a construção naval artesanal; 2 - No ato de fabricar artefatos de madeira, eles preservam a tradição e transmitem seus conhecimentos; e, 3 - Ao transformar a madeira em obras de arte (as embarcações) são criados objetos repletos de simbologias. Desse modo, a carpintaria naval artesanal é muito importante para a região de Breves, no sudoeste da Ilha de Marajó/Pá, devido a sua localização geográfica e em virtude da demanda de deslocamento de seus moradores. Assim, o trabalho dos artesãos é fundamental na vida dos moradores desta região e a atividade da carpintaria naval está embasada nos saberes da tradição, carregada de herança ancestral transmitida oralmente de forma geracional, valorizando, assim, sua origem e enaltecendo a cultura local.
Título do Evento
III SILSSA - Seminário Internacional Linguagens Saberes e Sociobiodiversidade na Amazônia
Cidade do Evento
Bragança
Título dos Anais do Evento
Anais do III Silssa - Seminário Internacional de Linguagens, Saberes e Sociobiodiversidade na Amazônia
Nome da Editora
Even3
Meio de Divulgação
Meio Digital
DOI
LinkObter o DOI

Como citar

MENEZES, Márcio de Souza; OLIVEIRA, Marcelo do Vale; ROCHA, Nádia Sueli Araújo da. CARPINTARIA NAVAL ARTESANAL EM BREVES-MARAJÓ-BRASIL: SOBRE SABERES E PRÁTICAS ENVOLVIDAS NA CONSTRUÇÃO DE UMA RABETA... In: Anais do III Silssa - Seminário Internacional de Linguagens, Saberes e Sociobiodiversidade na Amazônia. Anais...Bragança(PA) UFPA, 2023. Disponível em: https//www.even3.com.br/anais/iii-silssa/612074-CARPINTARIA-NAVAL-ARTESANAL-EM-BREVES-MARAJO-BRASIL--SOBRE-SABERES-E-PRATICAS-ENVOLVIDAS-NA-CONSTRUCAO-DE-UMA-RAB. Acesso em: 14/06/2024

Trabalho

Even3 Publicacoes