MANEJO DO DÉFICIT HÍDRICO COM SUBSTÂNCIAS BIOESTIMULANTES NA CULTURA DA SOJA

Publicado em 08/09/2020 - ISBN: 978-65-88243-26-8

Título do Trabalho
MANEJO DO DÉFICIT HÍDRICO COM SUBSTÂNCIAS BIOESTIMULANTES NA CULTURA DA SOJA
Autores
  • Wendson Soares da Silva Cavalcante
  • Nelmício Furtado da Silva
  • MARCONI BATISTA TEIXEIRA
  • Fernando Rezende Corrêa
  • Fernando Rodrigues Cabral Filho
  • Luiz Fernando Gomes
  • Paulo Eustáquio Rezende Nascimento
Modalidade
Resumo expandido
Área temática
Fitossanidade
Data de Publicação
08/09/2020
País da Publicação
Brasil
Idioma da Publicação
Português
Página do Trabalho
https://www.even3.com.br/anais/3comsoja/264671-manejo-do-deficit-hidrico-com-substancias-bioestimulantes-na-cultura-da-soja
ISBN
978-65-88243-26-8
Palavras-Chave
Glycine max, déficit hídrico, cerrado, bioestimulantes.
Resumo
Objetivou-se com o presente estudo avaliar as características fisiológicas e a produtividade de grãos da soja submetida a aplicação de diferentes bioestimulantes a base de macronutrientes, micronutrientes, aminoácidos, extratos vegetais e outras substâncias e complexos naturais, aplicadas de forma isolada e em associação nas condições edafoclimáticas da região do cerrado. O experimento foi desenvolvido na Fazenda de Ensino, Pesquisa e Extensão (FEPE) da UniBRÁS - Faculdade Rio Verde, Rio Verde - GO. O delineamento experimental utilizado foi de blocos casualizados com quatro repetições, nos tratamentos foram testados 5 bioestimulantes isoladamente e combinados entre si: T1) Aminoácidos; T2) Extrato de Alga; T3) Ácidos fúlvicos; T4) Fitohormônios; T5) Nutrientes; T6) Extrato de Alga + Ácidos Fúlvicos; T7) Aminoácidos + Extrato de Alga + Nutrientes; T8) Aminoácidos + Extrato de Alga + Ácido Fúlvicos; T9) Aminoácidos + Ácidos Fúlvicos + Nutrientes e Controle. Os dados biométricos e fisiológicos, foram submetidos a análise de variância (p<0,05) e os casos de significância foram submetidos ao teste de média (Tukey p<0,05), utilizando o software estatístico SISVAR. Os bioestimulantes promoveram efeitos significativos nas variáveis biométricas, fisiológicas e na produtividade, com diferenças significativas expressivas em relação ao tratamento controle.
Título do Evento
III Congresso Online Para o Aumento da Produtividade de Milho e Soja
Cidade do Evento
Santa Maria
Título dos Anais do Evento
Anais do III Congresso Online para Aumento da Produtividade de Milho e Soja
Nome da Editora
Even3
Meio de Divulgação
Meio Digital
DOI
LinkObter o DOI

Como citar

CAVALCANTE, Wendson Soares da Silva et al.. MANEJO DO DÉFICIT HÍDRICO COM SUBSTÂNCIAS BIOESTIMULANTES NA CULTURA DA SOJA.. In: Anais do III Congresso Online para Aumento da Produtividade de Milho e Soja. Anais...Santa Maria(RS) Mais Soja, 2020. Disponível em: https//www.even3.com.br/anais/3comsoja/264671-MANEJO-DO-DEFICIT-HIDRICO-COM-SUBSTANCIAS-BIOESTIMULANTES-NA-CULTURA-DA-SOJA. Acesso em: 14/06/2024

Trabalho

Even3 Publicacoes