MODELAGEM DA RESPOSTA CONSTITUTIVA DO CONCRETO POR UMA ABORDAGEM MULTI-ESCALA COM O MEF

Publicado em 18/01/2022 - ISBN: 978-65-5941-529-8

Título do Trabalho
MODELAGEM DA RESPOSTA CONSTITUTIVA DO CONCRETO POR UMA ABORDAGEM MULTI-ESCALA COM O MEF
Autores
  • Ana Georgia Pereira Brasileo
  • Gabriela Rezende Fernandes
Modalidade
III Seminário Interno de Iniciação à Pesquisa Científica, Tecnológica e em Inovação: Iniciação Científica - Ações Afirmativas (PIBIC-AF / voluntário)
Área temática
Engenharias
Data de Publicação
18/01/2022
País da Publicação
Brasil
Idioma da Publicação
Português
Página do Trabalho
https://www.even3.com.br/anais/2cepexufcat/414667-modelagem-da-resposta-constitutiva-do-concreto-por-uma-abordagem-multi-escala-com-o-mef
ISBN
978-65-5941-529-8
Palavras-Chave
Multi-escala, EVR, MEF, Concreto.
Resumo
Nesse trabalho serão feitas análises numéricas para determinar a resposta constitutiva do concreto, adotando-se uma abordagem multi-escala. No entanto, não serão feitas análises multi-escala totalmente acopladas de uma estrutura. As análises são feitas apenas a nível da microestrutura do material, a qual é representada pelo EVR (Elemento de Volume Representativo), e que nesse trabalho será modelada pelo Método dos Elementos Finitos (MEF). Utilizaremos o concreto como material, o qual apresenta-se como um elemento homogêneo, quando visualizamos sua macroestrutura, mas heterogêneo, apresentando matriz, inclusões e vazios, além da zona de transição interfacial, quando realizamos uma análise de sua microestrutura. Os campos dos deslocamentos, das forças internas, das tensões verdadeiras e da matriz constitutiva no EVR são obtidos após a solução do seu problema de equilíbrio. Para isso, devem-se definir as propriedades elásticas e os modelos constitutivos que governam o comportamento das diferentes fases da microestrutura. Então utilizando-se de processos de homogeneização, obtém-se a resposta homogeneizada do EVR, que representa a resposta constitutiva do material. Para se obter os valores necessários para alcançar a convergência do EVR e consequentemente seu equilíbrio, é necessário realizar um processo incremental iterativo, impondo um vetor de deformações ao EVR. Nos exemplos, faz-se um estudo paramétrico para identificar as propriedades do concreto, cuja curva experimental é conhecida. As mudanças de parâmetros tem resultados significativos no comportamento mecânico do EVR, estando diretamente ligados à sua capacidade de deformação, rigidez e resistência, realizou-se então algumas variações de parâmetras, afim de verificar, e analisar o comportamento do concreto atrás das deformações resultantes, onde esboçando gráficos, pôde-se realizar um comparativos entre a curva teorica e as curvas resultantes das variações de parâmetros. Portanto, a análise numérica que alcançou um resultado mais próximo da curva experimental, confirma que essas alterações parâmetricas expressam os comportamentos conforme as alterações, e pode-se assim determinar parâmetros que expressam resultados satisfatórios.
Título do Evento
2º CEPEx-UFCAT Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de Catalão
Cidade do Evento
Catalão
Título dos Anais do Evento
Anais do CEPEx-UFCAT Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de Catalão
Nome da Editora
Even3
Meio de Divulgação
Meio Digital
DOI
LinkObter o DOI

Como citar

BRASILEO, Ana Georgia Pereira; FERNANDES, Gabriela Rezende. MODELAGEM DA RESPOSTA CONSTITUTIVA DO CONCRETO POR UMA ABORDAGEM MULTI-ESCALA COM O MEF.. In: Anais do CEPEx-UFCAT Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Federal de Catalão. Anais...Catalão(GO) UFCAT, 2021. Disponível em: https//www.even3.com.br/anais/2cepexufcat/414667-MODELAGEM-DA-RESPOSTA-CONSTITUTIVA-DO-CONCRETO-POR-UMA-ABORDAGEM-MULTI-ESCALA-COM-O-MEF. Acesso em: 19/07/2024

Trabalho

Even3 Publicacoes